Por
09/09/2017

Este é um assunto bastante comum quando se trata de disputa entre vizinhos, condôminos e síndico. Onde muitas vezes essas disputas acabam ultrapassando os limites da simples convivência, chegando a problemas pessoais.

Geralmente com isso se chega aos tribunais, o que também, não se torna fácil de resolver questões que muitas vezes se trata de birras pessoais.

O que mais faz com que tudo isso ocorra é quando acontece o atraso de parcelas, ou seja, inadimplência ou simplesmente dívidas em atraso.


Dívidas

Geralmente isso acontece, devido às cobranças das dívidas atrasadas das parcelas chegarem a valores bem superiores cobradas pela Lei.

Isso vem quase sempre acompanhado de cobranças em que as pessoas se sentem constrangidas, ou seja, passando vexames ou até mesmo discriminação.

Acontece e vem acontecendo com freqüência a aplicação de multas por parte do condomínio a moradores por falta ou atraso de pagamento.

Pois bem, isso somente deverá acontecer se caso três quartos dos moradores aprovarem este tipo de procedimento, caso contrário não poderá ser cobrada nenhuma taxa nem aplicado nenhuma multa.

Como isso é considerado uma conduta ilegal, o condômino que esteja inadimplente não poderá ser proibido de frequentar ou fazer uso de qualquer serviço que o condomínio oferece.

Por tanto, é importante saber que o condômino inadimplente poderá ser cobrado em cima do valor devido juros de 1% ao mês, acrescido de multa de 2% em cima do total do valor devido.

Caso não seja efetuado o pagamento da dívida, poderá ser cobrado em até 10 vezes o valor total da dívida da despesa mensal.


Qual a Melhor Forma de se Evitar a Cobrança do Condomínio?

É interessante que todas as pessoas percebam que quando surge um problema é preciso tentar resolver o mais rápido possível e da melhor maneira possível.

Quando se trata de inadimplência de condomínio não é diferente, visto que, existem vários casos e casos. Onde para cada situação se exige uma postura diferenciada por parte do condomínio.

Sendo assim, ainda é indicada a melhor maneira que é amigavelmente.

Já que caso contrário, pode acontecer um constrangimento e aborrecimento bastante grande por parte de ambos os lados.

O condomínio através do seu responsável legal que é o síndico, faz uma notificação para o condômino inadimplente, assim o mesmo será informado que deverá efetuar o pagamento da dívida o mais breve possível.

Caso seja necessário o condomínio poderá oferecer algum tipo de facilidade para essa dívida seja quitada.


Resumindo

Decisões como protesto de boleto vencido, inscrição do nome do condômino em lista de negativado, poderão ser feitas e tomadas, mas, desde que o inadimplente esteja ciente da legalidade.

É preciso que todos os condôminos estejam cientes das cobranças e das decisões tomadas em caso de inadimplência, já que caso todas as pessoas que moram no condomínio aprovaram os métodos de cobrança.

As pessoas precisam lembrar que antes de exigirem seus direitos, existem seus deveres que devem ser feitos, caso contrário, poderá se surpreender em alguns casos ou ações judiciais ou não.